quarta-feira, julho 15, 2009

Volta a Portugal

VOLTA A PORTUGAL'09

É claro que não estou a ignorar a maior - porque é a que mais gente atrai - Corrida do nosso calendário.

Ainda aqui há uns dias, na chegada da etapa do Tour junto ao Estádio Olímpico de Montjuic, em Barcelona, pude ouvir o Marco Chagas chamar a atenção para isso. Os Jogos Olímpicos podem ser considerados como a maior manifestação desportiva a nível planetário, mas que tamanho teria de ter o Estádio para albergar as muitas centenas de milhar de espectadores que, ao longo da estrada, aconpanha - para ver durante 10 segundos - uma etapa de Ciclismo?

A nossa modalidade é a maior. E sobrevirá a todos os 'ensaios' que sobre ela queiram fazer.

Voltando à Volta a Portugal...
Ainda não falei aqui - já deixei um comentário noutro local - dela porque não tive tempo para a analisar, embora tenha uma ideia generalizada de como vai ser.

Aprovo, na generalidade - usando um termo legislativo -, o seu traçado. Mas quero falar com conhecimentos suficientes para defender o meu ponto de vista na... especialidade.

E também recuperar o que foi escrito sobre a apresentação, o que só será possível quando estiver de folga.

Não desesperem, escreverei aqui sobre a Volta tentando, como sempre, ser o mais equidistante possível, olhando sempre a coisa pelo lado que mais importa, o desportivo.

Aproveito para daqui enviar um abraço ao Joaquim Gomes.
Cada vez mais o Homem da Volta. Estranha foi a ausência, na cerimónia de apresentação, do Senhor João Lagos.
(Reparem que continuo a tratá-lo como Senhor...)

Quanto ao facto de a EDP ter desaparecido da designação... não me digam que não sabem... Que ninguém sabe. Não me digam que não sabem que 2+2=4...
Porquê retardar a divulgação da verdade?

É disso que eu estou à espera... Depois, prometo que, sem polémicas, quando estiver de folga dedicarei uma tarde a escrever aqui sobre a Volta.

1 comentário:

Carlos disse...

Do que foi dado a conhecer, destaco:

- O baixo nivel competitivo das equipas estrangeiras.

- A falta de grandes figuras.

- As etapas e percursos semelhantes, em relação a anos anteriores.

- O Prologo em Lisboa (que presumo que esteja "às moscas", simplesmente Lisboa não se interessa pelo ciclismo).

- A esperança de ter Damiano Cunego( nem que seja para disfarçar um pouco a falta de figuras e equipas competitivas).

- O Percurso da Volta em grande parte no Norte é sinal de muita gente na estrada para ver os "Bravos do Pelotão".

- Favoritismo repartido pela Liberty(H.Guerra) Madeinox (T.Machado) Tavira (D.Blanco), de forma igual pela luta da Amarela final.

BONO_EDO